Logotipo Gazeta do Urubu
pt-br
Futebol

CONHEÇA MATHEUS BACHI: FILHO E AUXILIAR DE TITE NO FLAMENGO

Com seu comprometimento e amor pelo futebol, tornou-se um nome essencial na carreira do renomado técnico

Lucas Figueiredo/CBF
Lucas Figueiredo/CBF

  |

Icon Comentário0

O universo do futebol está repleto de histórias fascinantes, algumas delas escondidas nos bastidores, longe dos holofotes que geralmente iluminam os campos e os jogadores. Uma dessas histórias cativantes é a de Matheus Bachi, um nome que pode não ser imediatamente reconhecido, mas que desempenha um papel fundamental na carreira de um dos treinadores mais renomados do futebol brasileiro, Adenor Leonardo Bachi, mais conhecido como Tite.

Matheus Bachi, um gaúcho de 34 anos, é o filho do renomado técnico Tite e sua esposa Rosmari Rizzi Bachi. Sua trajetória no mundo do futebol não é apenas a de um filho orgulhoso, mas também a de um talentoso auxiliar técnico que trilhou seu caminho com dedicação e competência. A parceria entre Matheus e Tite começou a se solidificar em setembro de 2015, quando ambos trabalharam juntos no Corinthians, um dos clubes mais tradicionais do futebol brasileiro. Esse foi o momento em que Matheus deu seus primeiros passos na carreira como auxiliar técnico, e sua ligação com o pai, além de fortalecer o vínculo familiar, criou uma dinâmica única na equipe.

A participação de Matheus Bachi na trajetória de Tite atingiu um novo patamar quando ele acompanhou o treinador nas Copas do Mundo de 2018 e 2022. Essas competições representam o ápice do futebol internacional e ter a oportunidade de estar presente, apoiando o pai e a seleção brasileira, é um privilégio que poucos alcançam.


Hoje, os olhos do mundo do futebol se voltam para o duelo do Brasil contra o Cruzeiro, marcado para esta quinta-feira, 19 de janeiro, às 19h, no Estádio Mineirão, em Belo Horizonte. Um jogo que carrega uma dose extra de emoção para Matheus Bachi, pois estará à beira do campo, lado a lado com seu pai e mentor, Tite.


A presença de Matheus como auxiliar técnico tem sido fundamental na carreira de Tite. Sua capacidade de análise tática, compreensão profunda do jogo e capacidade de comunicação têm contribuído para o sucesso do treinador em vários clubes e na seleção brasileira. Mas a história de Matheus Bachi vai além de sua relação com Tite. Ele é um exemplo de determinação e dedicação para todos aqueles que buscam seguir uma carreira no mundo do futebol. Sua jornada, marcada por anos de estudo, trabalho árduo e aprendizado constante, demonstra que a paixão pelo esporte pode ser o motor para conquistar os sonhos, independentemente de sua origem.

A história de Matheus Bachi também ressalta a importância das relações familiares no mundo do esporte. A parceria entre pai e filho, que se estende além dos campos, é um testemunho de como o apoio e a inspiração mútuos podem levar a resultados extraordinários. O papel de Matheus Bachi na carreira de Tite é um testemunho de que o futebol é mais do que um jogo; é uma paixão que une gerações e cria laços inquebráveis. Sua trajetória é um lembrete de que, por trás de cada treinador de sucesso, existe uma equipe dedicada, pronta para enfrentar os desafios do esporte mais popular do mundo.


No duelo contra o Cruzeiro, os olhos do mundo estarão focados na performance da seleção brasileira. E, embora Matheus Bachi possa não estar no centro das atenções, seu trabalho incansável nos bastidores será um elemento-chave para a busca do sucesso, mais uma vez, nessa jornada emocionante do futebol. Para aqueles que seguem o esporte, o nome Matheus Bachi representa mais do que apenas um auxiliar técnico; representa um exemplo de dedicação, família e paixão pelo jogo bonito. Sua história é uma inspiração para todos que sonham em alcançar o sucesso no mundo do futebol, seja dentro ou fora das quatro linhas. Portanto, quando assistir ao duelo entre Brasil e Cruzeiro, lembre-se de que por trás de cada vitória e conquista há histórias como a de Matheus Bachi, que, com seu comprometimento e amor pelo futebol, tornou-se um nome essencial na carreira do renomado técnico Tite.


Futebol

NEGOCIAÇÃO POR LÉO ORTIZ: FLAMENGO PODE AVANÇAR EM TRATATIVAS COM BRAGANTINO

No entanto, se o negócio se concretizar, a torcida e a diretoria do Flamengo certamente estarão dispostas a apoiar e auxiliar Ortiz nesse processo de transição

Foto: Internet
Foto: Internet

  |

Icon Comentário0

Há uma expectativa crescente nos bastidores do Flamengo em relação à possível contratação do zagueiro Léo Ortiz, do Red Bull Bragantino. Segundo informações obtidas via @venecasagrande, jornalista esportivo reconhecido pela sua precisão nas informações sobre o mercado da bola, o vice-presidente de futebol do Flamengo, Marcos Braz, pode se deslocar até São Paulo para negociar diretamente com o Bragantino.

O interesse do Flamengo em Léo Ortiz é público há algumas semanas, e a possível viagem de Marcos Braz a São Paulo evidencia a seriedade das negociações. O desfecho das tratativas pode ser influenciado diretamente pelo desempenho do Bragantino na partida pela pré-Libertadores agendada para amanhã. Caso o clube paulista seja eliminado da competição, as negociações tendem a avançar mais rapidamente, facilitando a concretização do negócio.


INTERESSE DO FLAMENGO E AGUARDO PELO RESULTADO DO BRAGANTINO NA PRÉ-LIBERTADORES

O interesse do Flamengo em reforçar seu sistema defensivo é compreensível, especialmente após a saída de jogadores importantes como Rodrigo Caio. Léo Ortiz, conhecido por sua qualidade técnica e regularidade, é visto como uma opção promissora para reforçar o setor, oferecendo ao técnico Tite mais opções e solidez na defesa. Caso as negociações se concretizem e Léo Ortiz vista a camisa rubro-negra, o Flamengo poderá ajustar sua estratégia defensiva e fortalecer ainda mais sua equipe para as competições que terá pela frente.

A chegada de um jogador com o perfil de Ortiz pode não apenas melhorar o desempenho defensivo da equipe, mas também proporcionar uma maior segurança e confiança aos demais jogadores do elenco. Enquanto as negociações seguem em andamento, a torcida do Flamengo aguarda com expectativa o desfecho dessa possível contratação. Nas redes sociais e nos fóruns de discussão, os torcedores expressam sua confiança na capacidade da diretoria em fechar o negócio e na qualidade que Léo Ortiz pode agregar ao time.


Resta agora esperar pelo resultado do jogo do Bragantino e pelas próximas movimentações no mercado da bola para saber se o zagueiro vestirá mesmo o manto sagrado rubro-negro.Além das expectativas positivas em torno da possível contratação de Léo Ortiz, é importante considerar os desafios que o jogador pode enfrentar ao integrar um clube de grande porte como o Flamengo. A adaptação ao novo ambiente, às exigências técnicas e táticas do treinador, bem como a concorrência por uma vaga no time titular, são aspectos que demandarão tempo e esforço por parte do zagueiro.


Futebol

AYRTON LUCAS: LÍDER EM ASSISTÊNCIAS ENTRE LATERAIS DA SÉRIE A

Desempenho Excepcional Revela Impacto no Cenário do Futebol Nacional

Foto: Internet
Foto: Internet

  |

Icon Comentário0

Ayrton Lucas, lateral-esquerdo brasileiro, tem se destacado de maneira impressionante desde sua estreia no Flamengo. Com uma habilidade notável em criar jogadas e auxiliar no ataque, ele solidificou sua posição como um dos jogadores mais influentes da Série A do futebol brasileiro. Seu desempenho é comprovado pelos números, com mais participações em gols do que qualquer outro lateral desde sua entrada em campo. Esta conquista não apenas ressalta sua habilidade individual, mas também destaca o papel crucial que os laterais desempenham no contexto tático do futebol moderno. O LEGADO DE UM JOVEM TALENTO

Desde sua estreia, Ayrton Lucas tem sido uma figura central nos esquemas táticos das equipes por onde passou. Sua capacidade de combinar defesa sólida com incursões perigosas no ataque o tornou um ativo valioso em qualquer equipe. Sua ascensão meteórica no cenário nacional não é apenas resultado de talento inato, mas também de um trabalho árduo e dedicação aos treinos e ao aprimoramento constante de suas habilidades.


Os números falam por si: com 25 participações em gols, Ayrton Lucas lidera a tabela entre os laterais da Série A. Esse impressionante registro não passa despercebido pelos olhos dos espectadores e analistas do esporte. Cada assistência ou gol marcado por Ayrton Lucas representa não apenas um ponto para sua equipe, mas também uma demonstração de sua capacidade de influenciar positivamente o resultado de uma partida.

Além de suas contribuições no terço final do campo, Ayrton Lucas também se destaca pela versatilidade em sua posição. Sua capacidade de se adaptar às demandas táticas do jogo e desempenhar múltiplos papéis dentro da equipe é uma qualidade valiosa. Ele não apenas defende com solidez, mas também se projeta com confiança para apoiar o ataque, muitas vezes agindo como um meio-campista ofensivo, acrescentando profundidade e criatividade ao jogo de sua equipe.


O sucesso de Ayrton Lucas não é apenas uma questão de momentos brilhantes, mas sim de consistência ao longo de sua carreira. Sua capacidade de manter um alto nível de desempenho em várias temporadas é digna de admiração. Mesmo diante de desafios e pressões, ele continua a se destacar como um dos jogadores mais confiáveis e influentes em seu setor. Além de suas contribuições diretas para gols e assistências, Ayrton Lucas também tem um impacto tangível no jogo de sua equipe em outros aspectos. Sua presença em campo cria espaços para seus companheiros de equipe, sua inteligência tática ajuda a organizar a defesa e seu compromisso com o trabalho em equipe inspira aqueles ao seu redor. 


Futebol

APÓS UM MÊS DE TITE NO FLAMENGO, O QUE MUDOU? CONFIRA AQUI

A estreia do técnico no comando do Mais Querido completa um mês, marcada por uma evolução notável da equipe em campo. A vitória por 2 a 0 sobre o Cruzeiro no domingo reflete um período de mudanças significativas, evidenciando um Rubro-Negro mais organizado, defensivamente sólido e, agora, com uma identidade clara.

  |

Icon Comentário0


A trajetória inicial de Tite à frente do Flamengo, que completa um mês com uma vitória por 2 a 0 sobre o Cruzeiro, revela mudanças significativas dentro de campo. O Rubro-Negro emerge como uma equipe mais organizada, menos vulnerável defensivamente e já carrega uma identidade. Nesse curto período, a equipe conquistou quatro vitórias, destacando-se as duas fora de casa contra Cruzeiro e Fortaleza, além do triunfo em um clássico contra o Vasco.

A última vitória, de forma mais contundente, foi contra o atual principal adversário do Flamengo, o Palmeiras. Contudo, também foram registradas duas derrotas e um empate, com 12 gols marcados e seis sofridos. O portal ge analisou esse recorte de sete partidas distribuídas em 31 dias, abordando três aspectos cruciais: "quem ganhou mais espaço", "qual sistema foi mais utilizado" e "vagas em aberto".

No quesito "quem ganhou mais espaço", dois jogadores se destacam claramente: Everton Cebolinha e Luiz Araújo. Cebolinha, conhecido por sua atuação destacada na conquista da Copa América de 2019 sob a orientação de Tite na seleção brasileira, foi utilizado em todas as sete partidas, ganhando protagonismo ao se tornar titular nas últimas três, deixando Bruno Henrique, ídolo da equipe, no banco.

Luiz Araújo, seguindo uma trajetória semelhante, ascendeu de reserva nos dois primeiros jogos para uma presença constante na equipe, contribuindo com gols e intensidade ao Flamengo. Pedro, por sua vez, é o único jogador de linha titular em todas as sete partidas, aproveitando a oportunidade para melhorar fisicamente e se tornar fundamental na marcação.
A espinha dorsal da equipe, composta por Fabrício Bruno, Léo Pereira, Erick Pulgar, Gerson, Rossi e Pedro, se destacou, tendo iniciado a maioria dos jogos sob o comando de Tite.

Na análise das posições em aberto, as laterais emergem como as mais indefinidas até o momento. Ayrton Lucas, titular em cinco dos sete jogos, tem sua posição questionada com a escalação de Filipe Luís no Fla-Flu. A disputa pela titularidade na lateral oposta entre Wesley e Matheuzinho continua acirrada, com características distintas a serem consideradas. Quanto aos sistemas utilizados por Tite, o treinador iniciou com um 4-4-2, adaptando-se em alguns momentos para um losango no meio-campo.

A capacidade de alterar taticamente o jogo se mostrou evidente nos confrontos contra Cruzeiro e Vasco, revelando uma versatilidade que há muito não se via no Flamengo. No quarto jogo contra o Santos, a ausência de Erick Pulgar levou a uma adaptação para o 4-3-3, resultando em uma derrota por 2 a 1. Contra o Fortaleza, sem Gerson, suspenso, Tite persistiu com o 4-3-3, obtendo uma vitória por 2 a 0. Já diante do Palmeiras, Gerson atuou como volante, alteração que contribuiu para uma vitória expressiva por 3 a 0.



envelopeSUBSCREVER NEWSLETTER

envelopeSUBSCREVER NEWSLETTER


+ notícias
Futebol

"TIVEMOS UMA SUPREMACIA MUITO GRANDE", COMENTA TITE ACERCA DO JOGO CONTRA O FLUMINENSE

 

Icon Comentário0
Futebol

TITE COMENTA SOBRE POUCO USO DE MATHEUS GONÇALVES NO FLAMENGO

 

Icon Comentário0
Futebol

FLAMENGO X MADUREIRA - SAIBA COMO COMPRAR OS INGRESOSS PARA O JOGO DO TÍTULO

 

Icon Comentário0