Logotipo Gazeta do Urubu
pt-br
Futebol

TJ-RJ OUVE PAIS DE VÍTIMA DE TRAGÉDIA NO CT DO FLAMENGO: "UM POUCO DE ESPERANÇA"

Pais de Christian Esmério e sobreviventes foram ouvidos nesta sexta-feira

Vítimas do Incêndio no Ninho do Urubu / Divulgação
Vítimas do Incêndio no Ninho do Urubu / Divulgação

  |

Icon Comentário0

O Tribunal de Justiça do Rio realizou a segunda audiência do caso da tragédia do Ninho Urubu, na esfera criminal, nesta sexta-feira. O tribunal apura incêndio culposo, quando não há a intenção de matar. Foram ouvidas testemunhas de acusação. Entre elas, sobreviventes e os pais de Christian Esmério, uma das vítimas.

- A gente recebeu com surpresa o chamado. Uma surpresa boa. Pelo menos está tendo algum movimento. Mas a gente vai ficar feliz se houver culpados - afirmou Cristiano Esmério, pai do ex-goleiro. - Poder estar aqui hoje e ser ouvida é um pouco de esperança que nos trazem - disse Andreia de Oliveira, a mãe.


Em fevereiro, a Justiça condenou o Flamengo a indenizar a família de Christian Esmério, em processo da esfera cível. Os pais do jovem eram os únicos que não haviam feito acordo com o clube. A decisão foi assinada pelo juiz André Aiex Baptista Martins, da 33ª Vara Cível do Rio de Janeiro, é em primeira instância e cabe recurso.


Na decisão, o juiz julgou parcialmente procedente o pedido e condenou o Flamengo a pagar R$ 2,82 milhões de danos morais para os pais de Christian (valor a ser dividido igualmente entre eles) e R$ 120 mil ao irmão, além de uma pensão mensal de R$ 7 mil, que já vinha sendo paga de forma voluntária pelo clube, até 2048 ou até o falecimento dos genitores.

Na audiência desta sexta-feira, as testemunhas foram questionadas sobre as instalações do CT do Ninho do Urubu. Dois peritos da Polícia Civil foram intimados, mas advogados de defesa alegaram que a convocação dos dois foi feita em cima da hora e o juiz deferiu um adiamento da oitiva.


São réus por incêndio culposo qualificado pelos resultados de morte e lesão grave o ex-presidente do Flamengo, Eduardo Bandeira de Mello; Marcelo Sá, engenheiro do Flamengo; Márcio Garotti, ex-diretor financeiro do Flamengo; Claudia Pereira Rodrigues, Weslley Gimenes, Danilo da Silva Duarte e Fabio Hilário da Silva, da NHJ (empresa que forneceu os contêineres); e Edson Colman da Silva, técnico em refrigeração.

O ex-presidente do Flamengo Eduardo Bandeira de Mello compareceu ao TJ-RJ, embora não tenha sido convocado. Ele acompanhou toda a audiência, mas preferiu não falar com a imprensa ao fim da sessão.



Futebol

BASTIDORES PEGANDO FOGO! FLAMENGO PRESSIONA PATROCINADORES POR RINCHA COM GIGANTE PAULISTA - SAIBA TUDO

Esse movimento estratégico do Flamengo não é apenas uma resposta às mudanças no mercado de patrocínios

Foto: Internet/Flamengo
Foto: Internet/Flamengo

  |

Icon Comentário0

O cenário esportivo brasileiro testemunhou um novo capítulo na corrida pelos patrocínios máster. Segundo o portal UOL,  o Flamengo reajustando seu contrato em resposta ao valor recorde conquistado pelo Corinthians. O anúncio recente revelou que o valor do patrocínio máster do Corinthians alcançará incríveis R$ 120 milhões por ano, ultrapassando os R$ 85 milhões recebidos anualmente pelo Flamengo. Esse movimento, sem dúvida, provocou uma onda de ação por parte do clube carioca.

A diretoria do Flamengo, surpreendida pela perda da liderança no quesito valor de patrocínio máster, não perdeu tempo em pressionar seu patrocinador por um reajuste. E, como era de se esperar, não foram só os dirigentes rubro-negros que notaram a mudança. Empresas interessadas em associar suas marcas ao gigante do futebol brasileiro começaram a sondar o clube, oferecendo valores mais altos para conquistar o espaço de destaque em sua camisa.


FAMENGO PRESSIONA NOS BASTIDORES 

A ameaça de perder uma parceria tão valiosa obrigou o patrocinador do Flamengo a reconsiderar sua posição e aceitar o aumento solicitado. No entanto, a contrapartida veio na forma de um aumento no tempo de contrato. O novo acordo, selado em meio a essa competição acirrada, estipula um valor total de aproximadamente R$ 470 milhões ao longo de 4 anos.

O impacto imediato desse ajuste já pode ser visto nas finanças do clube. Este ano, o Flamengo verá seus cofres serem reforçados com R$ 105 milhões provenientes do patrocínio máster. Mas a estratégia vai além de um aumento pontual. O clube planeja um crescimento progressivo nesse valor, visando estabelecer o maior patrocínio da história do Rubro-Negro.



Futebol

CONFIANTE! ZAGUEIRO DO AMAZONAS PREGA VITÓRIA CONTRA O FLAMENGO EM JOGO DISPUTADO PELA COPA DO BRASIL

A postura determinada e confiante de Diogo Silva reflete não apenas a sua confiança pessoal,

Foto: Internet
Foto: Internet

  |

Icon Comentário0

Em entrevista ao jornalista Lucas Bayer, o zagueiro do Amazonas Diogo Silva não poupou elogios a equipe do Flamengo. Diogo destacou a qualidade indiscutível do Flamengo, ressaltando a dificuldade que será enfrentar uma equipe tão forte. No entanto, ele não perdeu a fé no potencial do Amazonas, enfatizando a presença de bons jogadores experientes que compõem o elenco e que estão prontos para buscar a tão almejada classificação.

Com conscientização plena das adversidades que virão pela frente, o zagueiro reforçou o compromisso de jogar em casa e a determinação inabalável de sua equipe em buscar a vitória. Para Diogo Silva e seus companheiros, a classificação é o único objetivo que importa, e estão dispostos a lutar com unhas e dentes para alcançá-lo.


UMA BATALHA ÁRDUA PARA O AMAZONAS 

 Lembrando que o Flamengo entra em campo contra o Amazonas pela terceira fase da Copa do Brasil 2024, aonde o rubro-negro ganhou a primeira partida em casa e o jogo terá a sua decisão em Manaus. A confiança do zagueiro do Amazonas é palpável e reflete a mentalidade positiva que permeia o ambiente da equipe. Diante da iminente batalha contra o Flamengo, Diogo e seus colegas estão cientes dos obstáculos, porém, isso não os impede de encarar o desafio com coragem e determinação.

A partida de quarta-feira se aproxima, e os preparativos estão a todo vapor. O zagueiro do Amazonas, Diogo Silva, e seus companheiros estão prontos para entrar em campo e dar o seu melhor, cientes de que a batalha será árdua, mas confiantes na capacidade do time em alcançar a classificação almejada.



Futebol

JUSTIÇA MANTÉM INDENIZAÇÃO DO FLAMENGO A FAMÍLIA DE VÍTIMA DO INCÊNDIO NO NINHO DO URUBU

Mais Querido terá de pagar R$ 2,9 milhões aos familiares de Christian Esmério, um dos mortos no incêndio no Centro de Treinamentos em 2019

Vítimas do Incêndio no Ninho do Urubu / Divulgação
Vítimas do Incêndio no Ninho do Urubu / Divulgação

  |

Icon Comentário0

A Justiça do Rio de Janeiro manteve na última terça-feira (07) o valor da indenização que o Flamengo terá de pagar à família de Christian Esmério, uma das vítimas do incêndio no Ninho do Urubu em 2019. O Flamengo foi condenado a pagar R$ 2,9 milhões aos familiares de Christian.

A família do jovem foi a única que não fez um acordo com o Flamengo e buscou a Justiça. Em fevereiro, o clube foi condenado a pagar, a título de danos morais, R$ 1,4 milhão ao pai e a mesma quantia à mãe do jovem. Ao irmão foi determinado o repasse de R$ 120 mil. Além disso, a Justiça ordenou o pagamento de pensão de cinco salários mínimos aos pais de Christian até a data em que o jovem completaria 45 anos ou até a morte dos pais.


Após a decisão, o Flamengo questionou os valores da indenização. A família do atleta também recorreu, alegando que um irmão de criação de Christian foi deixado de fora da reparação. O juiz André Aiex manteve os valores das indenizações e detalhou outros pontos do julgamento.



O magistrado decidiu que a pensão deve ser paga retroativamente, a partir do dia do incêndio do Ninho do Urubu, em 2019. A quantia que o Flamengo já enviou à família, de R$ 5 mil mensais, será descontada desse retroativo.


Caso um dos pais morra antes da data em que Christian completaria 45 anos, o valor da pensão será reduzido pela metade. Por fim, o magistrado negou o pedido de indenização ao irmão de criação de Christian. O juiz afirmou que o jovem, apesar de ter laços afetivos com a vítima, só foi apresentado ao longo do processo judicial.



envelopeSUBSCREVER NEWSLETTER

envelopeSUBSCREVER NEWSLETTER


+ notícias
Futebol

EX-BOTAFOGO E HOJE NO AMAZONAS CONFIA NA CLASSIFICAÇÃO CONTRA O FLAMENGO: "VAMOS BUSCAR"

 

Icon Comentário0
Futebol

JORNALISTA CRAVA: "A ORDEM NO FLAMENGO É SE LIVRAR DO GABIGOL"

 

Icon Comentário0
Futebol

COM GABIGOL, FLAMENGO DE TITE EMBARCA PARA O DUELO CONTRA O AMAZONAS

 

Icon Comentário0