Logotipo Gazeta do Urubu
pt-br
Futebol

DEU RUIM! MARCOS BRAZ NEGA ENVOLVIMENTO DO FLAMENGO NA AUSÊNCIA DE CARLINHOS NA FINAL DO CARIOCA

Clube e dirigente desvinculam-se de controvérsias em escalação de jogador

Foto: Internet
Foto: Internet

  |

Icon Comentário0

No desenrolar das recentes controvérsias sobre a ausência de Carlinhos na escalação do Nova Iguaçu na final do Campeonato Carioca, o vice-presidente de futebol do Flamengo, Marcos Braz, emitiu um comunicado reiterando a posição do clube sobre o assunto. De acordo com Braz, o Flamengo não teve qualquer influência na situação e destacou a profissionalidade do atleta.

O embate entre o Nova Iguaçu e o Flamengo na final do Campeonato Carioca foi marcado por uma série de especulações e questionamentos em torno da ausência de Carlinhos na partida. Após o jogo, que terminou com a vitória do Flamengo por 2 a 1, rumores e acusações circularam nas redes sociais e na imprensa esportiva, levantando dúvidas sobre a conduta do Flamengo em relação à escalação de jogadores adversários.

FLAMENGO NEGA QUALQUER ENVOLVIMENTO


No entanto, Marcos Braz foi enfático ao negar qualquer tipo de interferência do Flamengo na escalação do Nova Iguaçu. "Acredito que isso (a lesão) não vai ser nenhum tipo de problema. Quero deixar claro que isso não teve nenhum tipo de relação com a contratação dele. É um rapaz profissional, e o Flamengo jamais faria qualquer tipo de pedido ou solicitação para que ele não jogasse esse jogo", declarou Braz.

A declaração do dirigente do Flamengo busca dissipar as especulações e esclarecer o posicionamento do clube diante da controvérsia. Ao destacar a profissionalidade do jogador Carlinhos e a distância do Flamengo em relação à sua ausência na partida, Braz procura reforçar a imagem do clube como uma instituição que preza pela ética e pelo jogo limpo.

No entanto, apesar das negativas do Flamengo e de seu dirigente, a polêmica em torno da ausência de Carlinhos continua a gerar discussões e debates entre torcedores, especialistas e membros da mídia esportiva. Algumas vozes levantaram a possibilidade de uma investigação mais aprofundada sobre o incidente, a fim de esclarecer todas as circunstâncias envolvidas.



Futebol

AZEDOU! FLAMENGO NEGA QUALQUER SAÍDA DE LORRAN PARA SELEÇÃO DE BASE

A resposta da CBF será crucial para definir os próximos passos dessa situação

Foto: Internet
Foto: Internet

  |

Icon Comentário0

O Flamengo tomou uma decisão que gerou discussão entre os torcedores e a Confederação Brasileira de Futebol (CBF). O clube carioca decidiu não liberar o jovem Lorran, que já integra o elenco principal, para os treinos da Seleção Brasileira sub-20 na Granja Comary, programados para ocorrer entre os dias 3 e 11 de junho. Essa decisão foi comunicada pelo vice-presidente de futebol do Flamengo, Marcos Braz, e justificada pela necessidade do atleta no elenco principal.

Segundo Braz, a presença de Lorran no grupo principal do Flamengo torna desnecessária sua participação em treinamentos com as seleções de base. "Não faz sentido liberar o atleta que já está no elenco principal para participar de treinamentos para seleções de base", afirmou. A posição do dirigente reflete a prioridade do Flamengo em contar com todos os seus jogadores mais promissores no time principal, especialmente em uma fase decisiva do calendário de competições.


FLAMENGO ABRE O JOGO 

A decisão de manter Lorran no Flamengo e não atender à convocação da Seleção sub-20 tem suas justificativas. O clube vive um momento crucial na temporada, disputando títulos importantes e necessitando de um elenco completo e competitivo. A ausência de Lorran nos treinamentos poderia impactar negativamente a preparação do Flamengo para os desafios que estão por vir.

A expectativa agora é sobre a resposta da CBF. O Flamengo acredita que a entidade entenderá a situação e será compreensiva com a decisão do clube. "O Flamengo espera que a CBF compreenda nossa posição. Temos total respeito pela Seleção Brasileira e pelos seus projetos, mas precisamos tomar decisões pensando no melhor para o clube e para o jogador", complementou Braz.


Essa postura do Flamengo revela uma tendência de clubes brasileiros em priorizarem seus interesses em relação às seleções de base, principalmente quando se trata de jogadores que já estão integrados ao elenco principal. A disputa entre os interesses dos clubes e as convocações das seleções de base é um tema recorrente no futebol brasileiro, muitas vezes gerando tensões entre as partes envolvidas.



Futebol

METEU O MALHO! DIRIGENTE DO FLAMENGO EXPÕEM BASTIDORES SOBRE POLÍTICA DO CLUBE

. Essa presença política ativa permite que o clube e seus torcedores tenham uma voz mais forte nas decisões que os afetam

Foto: Internet
Foto: Internet

  |

Icon Comentário0

Cacau Cotta, diretor de Relações Externas do Flamengo e pré-candidato a vereador no Rio de Janeiro, levantou um ponto crucial sobre a relevância da política na administração dos clubes de futebol, em especial no Flamengo. Para ele, a política não só é onipresente, como também essencial para o funcionamento e crescimento dessas instituições.

Cotta argumenta que a política está inserida em todas as esferas da sociedade, inclusive no esporte. Ele explica que a interação do Flamengo com diferentes grupos políticos é fundamental para a realização dos interesses do clube. Para reforçar essa ideia, o Flamengo possui um cargo específico em sua estrutura organizacional: o diretor-executivo de Relações Governamentais. Esse papel é crucial para mediar a relação entre o clube e as várias instâncias do poder público.


CACAU COTTA  ABRE O JOGO E EXPÕEM BASTIDORES 

O diretor destaca vários exemplos que ilustram como a política pode beneficiar os clubes de futebol. Ele menciona o caso do Atlético Mineiro, que reelegeu Alexandre Kalil, ex-presidente do clube, como prefeito de Belo Horizonte em 2020. Esse fato demonstra a influência e o prestígio que uma figura do mundo esportivo pode ter na política.

Outro exemplo citado é o Corinthians, que conseguiu a Neo Química Arena e seu centro de treinamento graças à atuação de Andres Sanches, ex-deputado federal e ex-presidente do clube. A habilidade de Sanches em transitar entre o futebol e a política resultou em benefícios significativos para o clube paulista.



Futebol

RACHA INTERNO NO FLAMENGO! PROBLEMAS ENTRE DIRIGENTES CAUSA MUDANÇAS NO DEPARTAMENTO DE FUTEBOL

Diretor de Relações Externas do clube, Cacau Cotta não exerce mais a função junto à Ferj, CBF e Conmebol.

Reprodução
Reprodução

  |

Icon Comentário0

O racha entre o vice de futebol Marcos Braz e Cacau Cotta na diretoria do Flamengo,  motivado por pretensões políticas, tem causado desdobramentos e mudanças diretas no modus operandi do departamento de futebol rubro-negro. O que aconteceu?

O principal motivo do racha é que ambos estão como pré-candidatos a vereadores no Rio. Braz, que é vice de futebol, busca a reeleição. Cotta, por sua vez, pretende ingressar pela primeira vez na Câmara. Diretor de Relações Externas do clube, Cacau Cotta não exerce mais a função junto à Ferj, CBF e Conmebol. A decisão foi tomada em conversa com o presidente Rodolfo Landim, na última terça-feira, antes da derrota para o Palestino, pela Libertadores.


Cacau ainda faz o "meio de campo" em alguns assuntos relacionados à logística dos jogos. A presença em eventos como arbitral, por exemplo, não vai mais acontecer. A mudança ocorre em meio ao chumbo trocado entre ele e Marcos Braz. O vice de Futebol já havia vetado o diretor em viagens do elenco e outras agendas. O clima passou a ser insustentável.

No último domingo, houve "alfinetadas" nas redes sociais. Braz ironizou o fato de a rodada do Brasil no último fim de semana não ter jogo às 11h. Cacau foi indagado por um torcedor, e respondeu que, neste momento, reclamações sobre calendário não teriam efeito.


A pré-candidatura de Cotta à Câmara pegou Braz de surpresa, e não foi bem digerida pelo vice de futebol e por outros dirigentes. Braz teme perder votos com o eleitorado rubro-negro tendo um concorrente interno na disputa por uma cadeira no legislativo.

Neste cenário, quem se fortaleceu foi Diogo Lemos, integrante do conselho de futebol. Ele é quem representará o Flamengo nos arbitrais a partir de agora, com participações pontuais de Marcos Braz.

Em lados opostos na política

Cotta se lançou como pré-candidato a vereador pelo MDB. O dirigente postou um vídeo oficializando o fato ao lado do vice-governador, Thiago Pampolha; do secretário de Transportes, Washington Reis; e do deputado estadual Rosenverg Reis.


envelopeSUBSCREVER NEWSLETTER

envelopeSUBSCREVER NEWSLETTER


+ notícias
Futebol

EX-ATLÉTICO MG E JOGADOR DO AMAZONAS QUER VENCER FLAMENGO COMO PRESENTE PARA O TIME DE MANAUS

 

Icon Comentário0
Futebol

QUE ISSO! TORCIDA DO FLAMENGO FAZ CLUBE TER PUNIÇÃO, ENTENDA O MOTIVO

 

Icon Comentário0
Futebol

SURREAL! FILIPE LUÍS EX-FLAMENGO SE EMOCINONA EM CERIMÔNIA DE CONDECORAÇÃO EM SANTA CATARINA

 

Icon Comentário0