Logotipo Gazeta do Urubu
pt-br
Futebol

ÍDOLO DO FLAMENGO, ZICO PEDE ESTÁDIO DO RUBRO-NEGRO COM CAPACIDADE INUSITADA; VEJA ABAIXO

O Galinho deseja também que o clube continue mandando jogos no Maracanã

Foto: Reprodução/ Flamengo
Foto: Reprodução/ Flamengo

  |

Icon Comentário0

Rodolfo Landim, presidente do Flamengo, segue tendo constantes reuniões a fim de viabilizar a compra do terreno do Gasômetro para dar início no projeto de construção do estádio do Mais Querido. A pedida dos torcedores é um lugar com espaço para 70 mil, passando até mesmo de 100. Ídolo da Nação e da história do clube, Zico cita a possibilidade de um estádio apenas para jogos pequenos.

O Galinho ainda cita que o Mais Querido deveria seguir mandando os principais jogos no Maracanã. No entanto, vale lembrar que a Federação fica com a maior parte do lucro e que isso não pode acontecer. Por isso, a construção de um novo estádio do Rubro-Negro seria importante para reter boa parte do lucro.

“O estádio facilita no sentido de arrecadar muito mais para você. O Maracanã tinha que existir para esses grandes jogos. O Flamengo tem jogos, às vezes, que você pode lucrar muito mais com um público de 30, 40 mil pessoas, jogos pequenos, que você pode facilitar com quem, hoje, não tem a possibilidade de ir. Pode abrir um lugar com ingressos mais acessíveis e você vai ter na área de camarote uma coisa certa para certos jogos, onde você pode arrecadar mais”, diz Zico, em entrevista ao jornalista João Guilherme.

CALDEIRÃO PARA 40 MIL PESSOAS

Além disso, Zico também diz que o Flamengo poderia fazer um estádio para 40 mil torcedores que criasse um caldeirão, comparando com partidas para 40 mil no Maracanã.


“No Maracanã não, a segunda entidade a arrecadar mais é o Flamengo. Em primeiro é a federação. A federação nunca pode arrecadar mais que os clubes. Mas acho que o Flamengo deveria ter um estádio sim para 40 mil pessoas. No Maracanã, você coloca 40 mil pessoas, mas não fica aquele caldeirão que é necessário”, comenta.

CRÍTICAS AOS SHOWS NO MARACANà

Zico também criticou os shows que são feitos no Maracanã. Ele ressalta que essa medida é muito prejudicial para o campo, lembrando as condições que o Fla precisou jogar no início da temporada.


“Querem botar show lá, e isso atrapalha o gramado. Onde teve o palco do Paul McCartney e da Ivete, ali no gol, você vê que não tem jeito, ali é feito para jogar futebol. Por isso criaram a implantação de grama sintética, mas isso não está suportando”, opina Zico antes de finalizar:

“O torcedor está escolhendo jogo, porque não é fácil tirar de três em três dias uma graninha. Às vezes você está viajando e o avião está lotado (para ir ao Maracanã). O Flamengo tem muitos meios de arrecadar de outra maneira, você tendo seu estádio, tudo vai para você. Maracanã vai sofrer muito com a saída do Flamengo, mas existem vários estádios no mundo que são pouco usados. Wembley, por exemplo”, finaliza.



Futebol

EX-ÁRBITROS CONCORDAM COM PÊNALTI MARCADO SOBRE BRUNO HENRIQUE NO JOGO ENTRE FLAMENGO E FLUMINENSE

O atacante do Mais Querido foi derrubado na área nos minutos finais do clássico

Foto: Reprodução/ Tv Globo
Foto: Reprodução/ Tv Globo

  |

Icon Comentário0

O Flamengo venceu o Fluminense na tarde deste domingo (23) pelo placar de 1 a 0, com gol de Pedro. No entanto, a equipe das Laranjeiras segue reclamando do pênalti sofrido por Bruno Henrique. Porém, o ex-árbitros e hoje comentaristas concordaram com a falta no camisa 27 aos 40 minutos do segundo tempo.

"Lance mais discutível da rodada. No lançamento do Léo Pereira, o Calegari tem uma movimentação na linha lateral e acho que ele é surpreendido pela movimentação do Bruno Henrique. Tem uma ação com o braço do Calegari, mas também do Bruno Henrique. É um contato de jogo (do Bruno Henrique no Calegari), não há infração", disse Paulo Cesar Oliveira, no Sportv.


"O Calegari é surpreendido pela chegada do Bruno Henrique e há o contato entre os dois jogadores. No meu ponto de vista, é um contato de jogo, ambos usando o braço. Na queda, ele acerta o Bruno Henrique, sem querer, mas de maneira imprudente. Há o pênalti", acrescentou o PC.

COMENTARISTA DA ESPN CONCORDA COM O PÊNALTI

Outra ex-árbitra e atualmente comentarista de arbitragem da ESPN, Renata Ruel, também concordou com a marcação da penalidade: "Houve uma disputa por espaço entre os jogadores. E o braço é por disputa de espaço. No chão, o Calegari dá uma tesoura e cruza as pernas do Bruno Henrique. Isso derruba o atacante. Pênalti bem marcado pelo árbitro de jogo",  destacou Ruel.

"CHORO" DE FERNANDO DINIZ

Após a partida, Fernando Diniz concedeu uma coletiva de imprensa e falou sobre a marcação do pênalti em Bruno Henrique. O técnico disse que o juiz Rafael Rodrigo Klein resolveu a partida com a marcação da penalidade.


“Acabei de ver o lance e, de fato, não foi pênalti. Não tem como dar esse pênalti, impossível o VAR não chamar. Foi determinante para o resultado do jogo. A arbitragem decidiu o jogo”, comentou Diniz.




Futebol

NAS GRAÇAS DA NAÇÃO! GERSON É ELEITO CRAQUE DA TORCIDA NO FLA X FLU

Camisa 8 teve mais uma grande atuação no campeonato

Gilvan de Sousa/CRF
Gilvan de Sousa/CRF

  |

Icon Comentário0

O Flamengo venceu o clássico contra o Fluminense por 1 a 0, neste domingo (23), no Maracanã. Pedro anotou de pênalti o único gol da partida, que manteve o Rubro-Negro na liderança e afundou ainda mais o rival na lanterna do campeonato.

Em votação no Twitter oficial do Mais Querido, Gerson foi eleito o craque da galera no clássico. O Coringa ficou em campo durante toda a partida e registrou 23/30 passes certos, uma finalização pra fora, ganhou 5/10 duelos no chão, sofreu uma falta, teve uma interceptação e três desarmes, de acordo com números do portal ‘Sofascore’.


Para vencer o craque da torcida, Gerson recebeu 59,6% de votos. Pedro ficou em segundo, com 23,1%. Em terceiro, Wesley teve 15,1% e Fabrício Bruno completou as quatro opções com 2,2%. Ao todo, 10.000 pessoas deixaram seus votos na enquete.




Futebol

FLAMENGO PROJETA INVESTIR R$ 2 BILHÕES NO NOVO ESTÁDIO E HÁ CHANCE DE PARTICIPAÇÃO COM O SAF

Landim acredita que o Mais Querido pode ter prejuízos financeiros caso tenha estádio próprio sem SAF

Estádio novo do Flamengo / Divulgação
Estádio novo do Flamengo / Divulgação

  |

Icon Comentário0

O Flamengo segue com a pauta da construção do estádio próprio. Em estudos realizados pelos dirigentes do Mais Querido, a diretoria projeta um gasto de R$ 2 bilhões entre terreno e construção. Por este motivo, o presidente do clube, Rodolfo Landim, busca implementar SAF no Rubro-Negro.

De acordo com a informação do portal UOL, Rodolfo Landim acredita é necessário a implementação de uma SAF para o Flamengo ter um estádio próprio. Isso porque, o Mais Querido pode ter prejuízos milionários caso use os próprios recursos para comprar o terreno e construir a praça esportiva.


Vale destacar que, de acordo com Landim, fundos de investimentos e empresas têm interesse na possível SAF do Flamengo. O presidente rubro-negro entende que o Mais Querido é uma ‘máquina de fazer dinheiro’ e, portanto, grandes investidores tem o interesse em ter ações do Clube da Gávea.


Por este motivo, Rodolfo Landim já iniciou as tratativas para deixar um acordo encaminhado antes de deixar a alta cúpula do Flamengo. Uma possível SAF, no entanto, só será permitida se membros do Conselho Deliberativo aprovarem o novo modelo de gestão.

O Bayern de Munique (ALE) é o grande modelo de gestão que inspira Rodolfo Landim. O time alemão vendeu participações minoritárias para três grandes empresas, mas mantém o poder total do clube. Isso porque, a equipe alemã tem 75% das ações, enquanto a Adidas, a Allianz e a Audi têm 8,3% cada.




envelopeSUBSCREVER NEWSLETTER

envelopeSUBSCREVER NEWSLETTER


+ notícias
Futebol

LÉO PEREIRA FALA SOBRE OS GOLS DO FLAMENGO NOS MINUTOS FINAIS DOS JOGOS

 

Icon Comentário0
Futebol

OLHO NO RIVAL! JUVENTUDE TERÁ DOIS DESFALQUES PARA JOGO CONTRA O FLAMENGO

 

Icon Comentário0
Futebol

CONMEBOL FAZ CITAÇÃO AO FLAMENGO PARA FALAR DO GOL DE MATÍAS VINA NA COPA AMÉRICA

 

Icon Comentário0