Logotipo Gazeta do Urubu
pt-br
Futebol

QUE HISTÓRIA É ESSA? IDOLATRIA DE LÉO ORTIZ NO FLAMENGO JÁ TINHA SIDO PREVISTA EM 2018

Há cinco anos, simulação feita no jogo Football Manager previu grande sucesso do zagueiro como treinador do Mengão e nome de estádio em homenagem ao defensor

Léo Ortiz / Divulgação
Léo Ortiz / Divulgação

  |

Icon Comentário0

O Flamengo contratou zagueiro Léo Ortiz por 7 milhões de euros ( aproximadamente R$ 38 milhões) na última semana. Mas simulação feita no jogo “Football Manager”, em 2018, já previa não só que o zagueiro iria acertar com o Mengão, mas também que se tornará um grande ídolo do clube. Idolatria tão grande que o estádio do time se tornou “Arena Léo Ortiz” no simulador de futebol.

O jogo, no entanto, tem um detalhe curioso que já difere da história original: Léo Ortiz fez sucesso no Flamengo como treinador. Diferente do que aconteceu realidade, o zagueiro não foi contratado para defender o Mengão ainda em atividade. Na simulação, Léo chega ao clube como treinador em 2041 após passagem pela Seleção Brasileira e se torna o maior vencedor da história do futebol nacional. A simulação foi divulgada pelo canal Bit Fut, do Youtube, no dia 20 de dezembro de 2018.


O sucesso de Léo como técnico do Flamengo na simulação atingiu números impressionantes. A passagem no jogo durou 19 anos e incríveis 85 títulos: 19 Campeonatos Brasileiros, 10 Libertadores, 4 Mundiais de Clubes, 13 Copas do Brasil, 10 Recopas Sul-Americanas, 16 Campeonatos Cariocas e 13 vezes a Primeira Liga (Competição extinta).


Os números obviamente transformaram Léo Ortiz no principal ídolo da história do Flamengo e ele deu nome ao estádio. Assim como acontece na realidade, mas ainda longe de se concretizar, o Mengão também teve interesse em construir próprio. A “Arena Léo Ortiz” se tornou o maior estádio do futebol brasileiro no jogo, com capacidade para 103 mil pessoas. Veja a história do Flamengo na simulação, a partir de 17min20:



Ainda sem a idolatria conquistada no Football Manager, Léo Ortiz se prepara para fazer seu primeiro jogo com a camisa do Flamengo. Recém-chegado, o zagueiro já ficou no banco de reservas como opção no clássico om o Fluminense, neste sábado (9), pela semifinal do Carioca. Contudo, o zagueiro não entrou em campo em função do pouco tempo de treino e a importância do jogo.

Agora, Léo terá uma semana treinamento completa com o elenco e a comissão técnica de Tite antes do segundo jogo. Com a vantagem de três gols, já que joga pelo empate, o Flamengo pode construir vantagem ainda maior e encaminhar classificação. A depender do andamento do jogo, é possível que o treinador dê os primeiros minutos do zagueiro com o Manto.



Futebol

AZEDOU GERAL! MARCOS BRAZ NÃO VIAJA E CACAU COTTA EMBARCA COM A DELEGAÇÃO DO FLAMENGO

Os olhares estão agora voltados para o desempenho da equipe em campo e para as decisões que estão sendo tomadas nos bastidores do clube

Foto: Internet
Foto: Internet

  |

Icon Comentário0

Nesta quarta-feira, uma reviravolta surpreendente agitou os bastidores do Clube de Regatas do Flamengo. Marcos Braz, vice-presidente de futebol do Rubro-Negro, não fará parte da delegação que viajará para o confronto decisivo contra o Bolívar. Em seu lugar, foi autorizada a viagem de Cacau Cotta, Diretor de Relações Externas do clube, por uma decisão direta de Rodolfo Landim, presidente do Flamengo. Essa mudança inesperada reflete um momento de tensão nas relações internas do clube, com relatos de uma relação "azedada" entre Marcos Braz e Cacau Cotta.

A ausência de Marcos Braz da viagem para o jogo contra o Bolívar, válido pela Copa Libertadores da América, vem como uma surpresa para os torcedores e para o próprio ambiente do futebol. Braz tem sido uma figura central na gestão esportiva do Flamengo, tendo participado ativamente das negociações e tomadas de decisão que levaram o clube a conquistar títulos importantes nos últimos anos.


O "ELO" SE QUEBROU, E AGORA?

A decisão de autorizar a viagem de Cacau Cotta, em vez de Marcos Braz, sugere um possível desentendimento entre o vice-presidente de futebol e o presidente Rodolfo Landim. Embora as razões por trás dessa mudança não tenham sido oficialmente divulgadas, fontes internas do clube indicam que as relações entre Braz e Cotta estão em um momento delicado.

Cacau Cotta, que ocupava o cargo de Diretor de Relações Externas do Flamengo, é uma figura conhecida nos bastidores do clube e tem sido um colaborador próximo de Rodolfo Landim. Sua presença na delegação que viajará para o confronto contra o Bolívar levanta questões sobre possíveis mudanças na estrutura de poder dentro do Flamengo, especialmente considerando a importância estratégica de uma partida como essa na Copa Libertadores.


Enquanto isso, a ausência de Marcos Braz levanta perguntas sobre seu futuro no clube e sobre o impacto que essa decisão pode ter no departamento de futebol do Flamengo. Braz tem sido uma figura influente no desenvolvimento do time e na condução das políticas esportivas do clube, e sua ausência em um momento crucial como esse certamente será sentida.






Futebol

MEMBRO DA COMISSÃO DE TITE ABRE O JOGO " DESGASTE FÍSICO NÃO É EMPECILHO PARA CONQUISTAS " ENTENDA ABAIXO

Diante das palavras de Fábio Mahseredjian, fica claro que o Flamengo encara o desgaste físico como um aspecto natural do jogo

Foto: Internet/ Flamengo
Foto: Internet/ Flamengo

  |

Icon Comentário0

Em uma entrevista exclusiva concedida ao jornalista Guilherme Xavier, do portal ‘Trivela’, Fábio Mahseredjian, preparador físico do Flamengo, esclareceu questões cruciais sobre a importância dada ao Campeonato Carioca e como o clube lida com o desgaste físico dos atletas nesta fase da temporada.

Ao ser questionado se o peso conferido ao Carioca poderia estar ligado ao desgaste físico dos jogadores, Mahseredjian foi categórico em afirmar que isso não prejudicou em nada o desempenho do time: “Não, não prejudicou em nada. O Flamengo é um clube grande que entra para conquistar todas as competições que disputa. Esse desgaste físico é natural. Todos os times têm. Agora, nós temos elenco suficiente para suplantar isso. A intensidade do jogo aumentou, e isso faz com que o atleta se desgaste mais”.


FLAMENGO TEM UM ESTRUTURA  PLANEJADA 

A explicação sobre o processo fisiológico dentro do clube foi detalhada por Fábio Mahseredjian, que destacou a complexidade do monitoramento e avaliação do desgaste físico dos jogadores: “Não tem como dosar cansaço. Para determinar o desgaste físico dos atletas, as demandas físicas deles, a gente faz o acompanhamento da minutagem de cada um. Esse acompanhamento está rigorosamente descrito em planilha, e o Tadashi (Hara, fisiologista) vai nos monitorando com as demandas métricas deles nos jogos, além das respostas de cada atleta individual, no que diz respeito a dosagem bioquímica. Tudo isso faz com que a gente tome algumas decisões, mas nada é uma coisa só, é sempre multifatorial”.

Essa abordagem do preparador físico reforça a ideia de que o Flamengo não encara o desgaste físico como um obstáculo intransponível, mas sim como um elemento a ser gerenciado dentro da estrutura do clube. Com um elenco robusto e um sistema de monitoramento detalhado, o time carioca se posiciona para encarar os desafios físicos ao longo da temporada.


O rigoroso acompanhamento dos atletas, através de metodologias precisas e individualizadas, reflete o compromisso do Flamengo em manter seus jogadores em condições ideais para competir em alto nível. O papel do fisiologista Tadashi Hara nesse processo é fundamental, fornecendo dados e insights que permitem à equipe técnica tomar decisões informadas.



Futebol

CLASSIFICAÇÃO DO BRASILEIRÃO: BRAGANTINO VENCE E PEGA LIDERANÇA DO FLAMENGO, VASCO PERDE E MAIS; CONFIRA

O Mais Querido entra em campo na tarde deste domingo (21), em partida contra o Palmeiras

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

  |

Icon Comentário0

A terceira rodada do Campeonato Brasileiro foi iniciada neste último sábado (20), com quatro partidas realizadas e um novo líder: O Red Bull Bragantino. A equipe do interior de São Paulo venceu o Corinthians pelo placar de 1 a 0 e ultrapassou o Flamengo na ponta da tabela. Lembrando que o Mais Querido entra em campo neste domingo (21). CONFIRA A CLASSIFICAÇÃO:


1º Red Bull Bragantino – 7 pontos

2º Flamengo – 6 e saldo de +2

3º Grêmio – 6 e saldo de +2


4º Internacional – 6 e saldo de +2

5º Atlético-MG – 5

6º Juventude – 4 e saldo de +2

7º Fortaleza – 4 e saldo de +1

8º Fluminense – 4 e saldo de 0

9º Cruzeiro – 4 e saldo de -2

10º Athletico-PR – 3 e saldo de +2

11º Botafogo – 3 e saldo de 0

12º Bahia – 3 e saldo de 0

13º Palmeiras – 3 e saldo de 0

14º Vasco – 3 e saldo de -1

15º Criciúma – 2

16º Corinthians -1

17º Vitória – 0 e saldo de -1

18º São Paulo – 0 e saldo de -2

19º Atlético-GO – 0 e saldo de -2

20º Cuiabá – 0 e saldo de -5

A terceira rodada iniciou com um clássico entre Fluminense e Vasco, no Maracanã. A equipe das Laranjeiras venceu o cruzmaltino por 2 a 1. Logo na sequência, às 18h30, o Grêmio derrotou o Cuiabá por 1 a 0, em Porto Alegre.

No entanto, o resultado que tirou o Rubro-Negro da ponta da tabela foi na partida entre Bragantino e Corinthians. Isso porque, a equipe de Bragança Paulista derrotou o adversário em casa por 1 a 0. Por fim, o clássico entre Atlético MG e Cruzeiro terminou com vitória da equipe alvinegra.

E O FLAMENGO?

Para poder retomar a liderança, o Mais Querido terá que vencer o Palmeiras, que está na 13ª posição. Assim, as equipes entram em campo na tarde deste domingo (21), às 16h, em partida no Allianz Parque, em São Paulo.


envelopeSUBSCREVER NEWSLETTER

envelopeSUBSCREVER NEWSLETTER


+ notícias
Futebol

BOTAFOTO SOLICITA SUBSTITUIÇÃO DE ÁRBITRO PARA CLÁSSICO CONTRA O FLAMENGO

 

Icon Comentário0
Futebol

DEFINIDOS OS 3 ÁRBITROS QUE VÃO JULGAR RECURSO DE GABIGOL NA CORTE SUÍÇA

 

Icon Comentário0
Futebol

PALMEIRAS IDENTIFICA TORCEDOR QUE CUSPIU EM TITE NO JOGO CONTRA O FLAMENGO E ENVIA IMAGENS A POLÍCIA

 

Icon Comentário0