Logotipo Gazeta do Urubu
pt-br
Futebol

QUE MORAL! DE LA CRUZ É OVACIONADO POR 55 MIL PESSOAS NO MARACANÃ APÓS SUBSTITUÍÇÃO

O uruguaio é um dos grandes destaques do Flamengo na temporada

Foto: Matheus Guaxxi
Foto: Matheus Guaxxi

  |

Icon Comentário0

 O craque foi ovacionado pela torcida, que entoava o seu nome em um coro ensurdecedor de "Ah é De La Cruz". Para os torcedores, ele não era apenas um jogador em campo, mas uma verdadeira inspiração, um símbolo de garra e dedicação.

Com sua atuação magistral, De La Cruz não só marcou presença no placar, mas também nos corações dos torcedores, que saíram do estádio extasiados com a exibição do seu ídolo. E não é para menos. O jogador mostrou que está pronto para os desafios que a temporada reserva, deixando claro que é peça fundamental no esquema tático do Flamengo.


FLAMENGO PARTIDA DE GALA NO MARACANà

Além do brilho individual de De La Cruz, é importante ressaltar a coesão e eficiência do time como um todo. Desde a defesa até o ataque, o Flamengo se mostrou compacto e determinado, não dando espaços para o adversário e controlando o jogo do início ao fim.

Agora, com os olhos voltados para os próximos desafios, o Flamengo segue firme em busca do seu objetivo maior: conquistar o título da Copa Libertadores. E com jogadores como De La Cruz inspirando e liderando o time, as perspectivas para o restante da temporada são as melhores possíveis.



Futebol

AZEDOU! FLAMENGO NEGA QUALQUER SAÍDA DE LORRAN PARA SELEÇÃO DE BASE

A resposta da CBF será crucial para definir os próximos passos dessa situação

Foto: Internet
Foto: Internet

  |

Icon Comentário0

O Flamengo tomou uma decisão que gerou discussão entre os torcedores e a Confederação Brasileira de Futebol (CBF). O clube carioca decidiu não liberar o jovem Lorran, que já integra o elenco principal, para os treinos da Seleção Brasileira sub-20 na Granja Comary, programados para ocorrer entre os dias 3 e 11 de junho. Essa decisão foi comunicada pelo vice-presidente de futebol do Flamengo, Marcos Braz, e justificada pela necessidade do atleta no elenco principal.

Segundo Braz, a presença de Lorran no grupo principal do Flamengo torna desnecessária sua participação em treinamentos com as seleções de base. "Não faz sentido liberar o atleta que já está no elenco principal para participar de treinamentos para seleções de base", afirmou. A posição do dirigente reflete a prioridade do Flamengo em contar com todos os seus jogadores mais promissores no time principal, especialmente em uma fase decisiva do calendário de competições.


FLAMENGO ABRE O JOGO 

A decisão de manter Lorran no Flamengo e não atender à convocação da Seleção sub-20 tem suas justificativas. O clube vive um momento crucial na temporada, disputando títulos importantes e necessitando de um elenco completo e competitivo. A ausência de Lorran nos treinamentos poderia impactar negativamente a preparação do Flamengo para os desafios que estão por vir.

A expectativa agora é sobre a resposta da CBF. O Flamengo acredita que a entidade entenderá a situação e será compreensiva com a decisão do clube. "O Flamengo espera que a CBF compreenda nossa posição. Temos total respeito pela Seleção Brasileira e pelos seus projetos, mas precisamos tomar decisões pensando no melhor para o clube e para o jogador", complementou Braz.


Essa postura do Flamengo revela uma tendência de clubes brasileiros em priorizarem seus interesses em relação às seleções de base, principalmente quando se trata de jogadores que já estão integrados ao elenco principal. A disputa entre os interesses dos clubes e as convocações das seleções de base é um tema recorrente no futebol brasileiro, muitas vezes gerando tensões entre as partes envolvidas.



Futebol

METEU O MALHO! DIRIGENTE DO FLAMENGO EXPÕEM BASTIDORES SOBRE POLÍTICA DO CLUBE

. Essa presença política ativa permite que o clube e seus torcedores tenham uma voz mais forte nas decisões que os afetam

Foto: Internet
Foto: Internet

  |

Icon Comentário0

Cacau Cotta, diretor de Relações Externas do Flamengo e pré-candidato a vereador no Rio de Janeiro, levantou um ponto crucial sobre a relevância da política na administração dos clubes de futebol, em especial no Flamengo. Para ele, a política não só é onipresente, como também essencial para o funcionamento e crescimento dessas instituições.

Cotta argumenta que a política está inserida em todas as esferas da sociedade, inclusive no esporte. Ele explica que a interação do Flamengo com diferentes grupos políticos é fundamental para a realização dos interesses do clube. Para reforçar essa ideia, o Flamengo possui um cargo específico em sua estrutura organizacional: o diretor-executivo de Relações Governamentais. Esse papel é crucial para mediar a relação entre o clube e as várias instâncias do poder público.


CACAU COTTA  ABRE O JOGO E EXPÕEM BASTIDORES 

O diretor destaca vários exemplos que ilustram como a política pode beneficiar os clubes de futebol. Ele menciona o caso do Atlético Mineiro, que reelegeu Alexandre Kalil, ex-presidente do clube, como prefeito de Belo Horizonte em 2020. Esse fato demonstra a influência e o prestígio que uma figura do mundo esportivo pode ter na política.

Outro exemplo citado é o Corinthians, que conseguiu a Neo Química Arena e seu centro de treinamento graças à atuação de Andres Sanches, ex-deputado federal e ex-presidente do clube. A habilidade de Sanches em transitar entre o futebol e a política resultou em benefícios significativos para o clube paulista.



Futebol

NOVO CAMISA 10 DO FLAMENGO ESTÁ ENTRE ARRASCAETA E DE LA CRUZ? CONFIRA

Gabigol não vestirá mais a 10 do Rubro-Negro depois da polêmica foto com a camiseta do Corinthians

Nicolás de la Cruz e Arrascaeta/ Divulgação
Nicolás de la Cruz e Arrascaeta/ Divulgação

  |

Icon Comentário0

Na tarde da última sexta-feira (17), o Flamengo anunciou que Gabigol não vestirá mais a 10 do Rubro-Negro. Essa foi a punição pelo atacante ter vestido a camisa do Corinthians em uma suposta foto vazada na noite anterior. De acordo com o jornal O Globo, o clube trabalha com duas hipóteses para a nova camisa 10: Arrascaeta e Nicolás de la Cruz. Os uruguaios despontam como as únicas opções, com a avaliação de que não sentiriam o peso da numeração.

No momento, Arrascaeta é o dono do número 14 desde 2019. Vale relembrar que o uruguaio já veste a numeração em sua seleção e também tem familiaridade com a 10, já que também vestiu ela nos tempos de Cruzeiro.


Por outro lado, o recém-chegado De La Cruz veste a 18. Quando o jogador chegou ao Rio de Janeiro, houve muitas dúvidas em relação qual seria o seu número, mas no fim das contas ele acabou ficando com uma que sobrou.


Em entrevista recente para o canal Es Todo un Tema TV, Arrasca revelou que gostaria de um dia vestir a 10 do Flamengo. Por já estar há um tempo no clube, ele desponta como o favorito a ser honrado com a camisa de Zico.

“Quando eu ia vir para o Flamengo me disseram que me dariam a 10. Obviamente eu gosto desse número e se tivesse a possibilidade logicamente eu queria”, afirmou o uruguaio na época, mas Gabi herdou a numeração.


Antes de Gabigol, a 10 do Flamengo pertenceu a Diego Ribas. Aposentado desde 2022, Diego chegou ao Mengão no ano de 2016, mas de iniciou pegou o número 35, já que Ederson usava a 10 na ocasião.

Ederson deixou o Flamengo, Diego pegou o número em 2018, com a aprovação de Zico. Desde então, conquistou três Cariocas, duas Libertadores, dois Brasileiros, uma Copa do Brasil, duas Supercopas e uma Recopa.



envelopeSUBSCREVER NEWSLETTER

envelopeSUBSCREVER NEWSLETTER


+ notícias
Futebol

EX-ATLÉTICO MG E JOGADOR DO AMAZONAS QUER VENCER FLAMENGO COMO PRESENTE PARA O TIME DE MANAUS

 

Icon Comentário0
Futebol

QUE ISSO! TORCIDA DO FLAMENGO FAZ CLUBE TER PUNIÇÃO, ENTENDA O MOTIVO

 

Icon Comentário0
Futebol

SURREAL! FILIPE LUÍS EX-FLAMENGO SE EMOCINONA EM CERIMÔNIA DE CONDECORAÇÃO EM SANTA CATARINA

 

Icon Comentário0