Logotipo Gazeta do Urubu
pt-br
Futebol

AYRTON LUCAS: LÍDER EM ASSISTÊNCIAS ENTRE LATERAIS DA SÉRIE A

Desempenho Excepcional Revela Impacto no Cenário do Futebol Nacional

Foto: Internet
Foto: Internet

  |

Icon Comentário0

Ayrton Lucas, lateral-esquerdo brasileiro, tem se destacado de maneira impressionante desde sua estreia no Flamengo. Com uma habilidade notável em criar jogadas e auxiliar no ataque, ele solidificou sua posição como um dos jogadores mais influentes da Série A do futebol brasileiro. Seu desempenho é comprovado pelos números, com mais participações em gols do que qualquer outro lateral desde sua entrada em campo. Esta conquista não apenas ressalta sua habilidade individual, mas também destaca o papel crucial que os laterais desempenham no contexto tático do futebol moderno. O LEGADO DE UM JOVEM TALENTO

Desde sua estreia, Ayrton Lucas tem sido uma figura central nos esquemas táticos das equipes por onde passou. Sua capacidade de combinar defesa sólida com incursões perigosas no ataque o tornou um ativo valioso em qualquer equipe. Sua ascensão meteórica no cenário nacional não é apenas resultado de talento inato, mas também de um trabalho árduo e dedicação aos treinos e ao aprimoramento constante de suas habilidades.


Os números falam por si: com 25 participações em gols, Ayrton Lucas lidera a tabela entre os laterais da Série A. Esse impressionante registro não passa despercebido pelos olhos dos espectadores e analistas do esporte. Cada assistência ou gol marcado por Ayrton Lucas representa não apenas um ponto para sua equipe, mas também uma demonstração de sua capacidade de influenciar positivamente o resultado de uma partida.

Além de suas contribuições no terço final do campo, Ayrton Lucas também se destaca pela versatilidade em sua posição. Sua capacidade de se adaptar às demandas táticas do jogo e desempenhar múltiplos papéis dentro da equipe é uma qualidade valiosa. Ele não apenas defende com solidez, mas também se projeta com confiança para apoiar o ataque, muitas vezes agindo como um meio-campista ofensivo, acrescentando profundidade e criatividade ao jogo de sua equipe.


O sucesso de Ayrton Lucas não é apenas uma questão de momentos brilhantes, mas sim de consistência ao longo de sua carreira. Sua capacidade de manter um alto nível de desempenho em várias temporadas é digna de admiração. Mesmo diante de desafios e pressões, ele continua a se destacar como um dos jogadores mais confiáveis e influentes em seu setor. Além de suas contribuições diretas para gols e assistências, Ayrton Lucas também tem um impacto tangível no jogo de sua equipe em outros aspectos. Sua presença em campo cria espaços para seus companheiros de equipe, sua inteligência tática ajuda a organizar a defesa e seu compromisso com o trabalho em equipe inspira aqueles ao seu redor. 


Futebol

COM ARRASCAETA E VINA, URUGUAI BATE O CANADÁ E FICA COM O TERCEIRO LUGAR DA COPA AMÉRICA

flamengo, últimas do fla, fla notícias, uruguai, copa américa

Reprodução
Reprodução

  |

Icon Comentário0

Sem De La Cruz e Varela suspensos, o Uruguai, eliminado pela Colômbia, enfrentou o Canadá pela disputa do terceiro lugar e empatou em 2 a 2. Nos pênaltis, deu Celeste, 4 a 3. Viña, investigado pela Conmebol por incidentes na arquibancada após a queda para os colombianos, foi novamente titular. Já Arrascaeta entrou no segundo tempo no lugar de Ugarte.

A partida foi eletrizante nos EUA. Logo aos seis minutos, Bentancur abriu o placar para o Uruguai. Entretanto, ainda na etapa inicial, Koné empatou e David virou para o Canadá. Todavia, no fim da partida, aos 46 minutos do segundo tempo, Luis Suárez deixou tudo igual: 2 a 2.


Ao todo na competição, Nicolás de la Cruz jogou cinco partidas. Ou seja, só não duelou contra o Canadá pelo segundo cartão amarelo. O meio-campista foi um dos melhores jogadores da Celeste Olímpica no torneio e deu duas assistências na Copa América. Já Varela permaneceu no banco em toda a fase de grupos, mas entrou no segundo tempo contra Brasil e Colômbia. Diante dos colombianos, foi expulso.


Camisa 10 uruguaio, Arrascaeta deu uma assistência na competição, marcou nas disputas de pênaltis contra Brasil e Canadá e entrou em campo também diante da Bolívia, Panamá, Colômbia. Titular assim como De La Cruz, o lateral-esquerdo Matías Viña jogou todos os jogos e fez um gol e deu uma assistência.

Uruguai encerra participação na Copa América e Flamengo terá volta de quarteto

Enfim, Arrascaeta, Nicolás de la Cruz, Matías Viña e Guillermo Varela estão de volta ao Flamengo. Sem o quarteto, o Mengão resistiu na liderança até a derrota para o Fortaleza, mas após cinco vitórias, dois empates e dois resultados negativos, o Rubro-Negro caiu para o terceiro lugar.

Com os ‘reforços’, o Fla volta a campo para enfrentar o Criciúma, dia 20, em Brasília, pelo Brasileirão. A bola rola às 16h (horário de Brasília).


Futebol

CÚPULA DO FLAMENGO TEM SAÍDAS E PROXIMIDADE DAS ELEIÇÕES MEXEM NOS BASTIDORES DO CLUBE

A diretoria viu cinco vice-presidentes deixarem os cargos nas últimas semanas.

Reprodução
Reprodução

  |

Icon Comentário0

A eleição presidencial do Flamengo vai acontecer em dezembro, mas os bastidores do clube já estão agitados. A cúpula da gestão de Rodolfo Landim perdeu integrantes que vão apoiar outros grupos no pleito e novas despedidas podem vir em breve. O grupo do atual mandatário, por outro lado, ainda calcula ter força.

Landim anunciou apoio a Rodrigo Dunshee na eleição. Dunshee é vice-Geral e Jurídico do clube, e acompanhou o atual presidente nos dois mandatos. A diretoria viu cinco vice-presidentes deixarem os cargos nas últimas semanas. As despedidas foram para se aliar ao grupo de Luiz Eduardo Baptista, o Bap, ou ao de Maurício Gomes de Mattos.


Foram três despedidas para apoiar Bap. Rodrigo Tostes, de Finanças, e Marcelo Conti, vice de Gabinete da Presidência, saíram na última semana, enquanto Paulo Cesar Pereira, vice de Secretaria, conversou com Landim na noite da última sexta-feira (12). O mandatário indicou que vai acumular a vice de Finanças e indicou Diogo Lemes para a vaga deixada por Conti.


As outras duas saídas foram para o grupo de Maurício Gomes de Mattos

 Uma delas foi o próprio Maurício, que era vice de Embaixadas e Consulados, e saiu da diretoria para lançar candidatura própria. Adalberto Ribeiro, então vice de Relações Externas, deixou o cargo para apoiar Maurício.


As saídas não pegaram a diretoria de surpresa, segundo pessoas ouvidas pelo UOL. As movimentações já eram esperadas e outras despedidas são aguardadas. Entende-se que houve uma união de diferentes vertentes em torno da candidatura de Landim, mas essa aliança não se mostra mais necessária na atual conjuntura.

O cenário aponta para a primeira ruptura de maior volume desde quando Landim assumiu, em janeiro de 2019. Nos corredores, porém, há uma avaliação positiva. A leitura é que, mesmo com saídas e formações de alianças que virão a ser rivais na eleição, a maioria dos grupos políticos ainda apoia Dunshee — esse desenho traz confiança ao grupo de situação em outro pleito. Landim pode vir candidato a presidente do Deliberativo.

Os grupos que já faziam oposição à gestão ainda debatem as opções

 Há uma visão que muitos movimentos podem acontecer nos bastidores, e estuda-se o cenário antes da decisão sobre qual rumo tomar. Eles avaliam a candidatura própria ou o apoio a alguma chapa, e calculam que podem levar consigo cerca de 500 votos.

A inscrição das chapas será entre 10 e 30 de setembro. A eleição acontecerá nos primeiros dez dias de dezembro. A identificação das chapas não será mais por cor, e, sim, por número.


Futebol

LÉO PEREIRA, HERÓI DA VITÓRIA DO FLAMENGO BRILHA NA ENTREVISTA AO VIVO

Este último gol, seu nono com o manto rubro-negro, o igualou ao desempenho que teve no Athletico-PR

Foto: Flamengo
Foto: Flamengo

  |

Icon Comentário0

No centro das atenções após a vitória suada contra o Botafogo, Léo Pereira, o zagueiro artilheiro do Flamengo, trouxe leveza e descontração à entrevista concedida à FlaTV, diretamente do Ninho do Urubu. Mesmo em preto e branco, em respeito aos cinco anos da tragédia no CT, a alegria do jogador se fez presente.

"Na base sempre fiz uns golzinhos, no Athletico também tive uma época de muitos gols, agora estou voltando eu acho (risos). A gente treina todo pré-jogo a bola parada, sabe que o detalhe pode fazer diferença. Tem que estar preparado, treinado, para quando tiver oportunidade saber o que fazer na hora do ataque também", brincou o zagueiro sobre sua fase goleadora.

Este último gol, seu nono com o manto rubro-negro, o igualou ao desempenho que teve no Athletico-PR. E não é só isso, foi seu terceiro contra o Botafogo, tornando-o a maior vítima do seu faro de gol nesta temporada. Questionado sobre a seleção brasileira, Léo Pereira não escondeu o sonho: "É o sonho de todo jogador brasileiro. Estou sabendo (Dorival estava no Maracanã).

Espero que ele tenha visto. Jogo importante para mostrar nossas características, mas estou focado no Flamengo. Se eu fizer as coisas bem feitas, tenho certeza que a convocação virá. Acredito que ao natural vai acontecer. Estou feliz com as minhas atuações e tenho que trabalhar firme para que esse sonho se torne realidade".


Sobre o gol no último suspiro da partida, Léo expressou sua emoção: "Emoção muito grande. Acredito que a gente estava esperando que esse gol acontecesse. A gente vinha de um empate em que merecia a vitória. Foi um jogo truncado, com poucas oportunidades, como têm sido todos os clássicos. Sabíamos que ia ser decidido nos detalhes."


A assistência providencial de Ayrton Lucas também foi destacada: "Agradeci a ele no fim do jogo. Um lance antes eu já tinha pedido essa bola no segundo pau porque teria a chance de cabeceio. Ele foi muito feliz no cruzamento, acredito que ele vem aperfeiçoando esse cruzamento. Nem me mexi praticamente."

Sobre o desempenho abaixo do esperado da equipe, Léo Pereira pediu compreensão aos torcedores: "Torcedor tem que entender que não é sempre que as coisas vão acontecer do jeito que eles e nós queremos. Às vezes tem que ser na raça. Flamengo é sofrendo até o fim. A gente nunca pode deixar de acreditar no que quer. Lutamos até o fim e conseguimos a vitória."


Sobre a conversa com Tite, o zagueiro destacou a visão do técnico e a importância do aspecto mental: "Ele é um cara muito visionário e experiente no futebol. Tudo que ele fala é para o nosso bem, ele costuma pontuar algumas fases do jogo. Uma delas acho que foi o nosso mental.

Queríamos ter criado mais oportunidades, mas ele sempre frisou o nosso mental. Acredito que a equipe teve a força mental e conseguiu se concentrar os 90 minutos em conquistar a vitória. E ela veio." Por fim, Léo Pereira celebrou a solidez defensiva da equipe: "Temos que pontuar nosso sistema defensivo, não tem sofrido gols. Quando a gente não sofre gols, fica muito mais perto da vitória porque temos um ataque muito qualificado."



envelopeSUBSCREVER NEWSLETTER

envelopeSUBSCREVER NEWSLETTER


+ notícias
Futebol

MELHORES MOMENTOS | FLAMENGO 3x2 BOTAFOGO | NÓ TÁTICO DE FILIPE LUÍS NA RAÇA VIRADA HERÓICA SUB 20

 

Icon Comentário0
Futebol

FLAMENGO 3X2 BOTAFOGO- BRASILEIRO SUB20

 

Icon Comentário0
Futebol

CLAUDINHO FINALMENTE FALA SOBRE SUA IDA PARA O FLAMENGO APÓS GANHAR TÍTULO NA RÚSSIA

 

Icon Comentário0