Logotipo Gazeta do Urubu
pt-br
Clube

ESTRELAS! EQUIPE BRASILEIRA DE GINÁSTICA É RECEBIDA COM FESTA PELO TIME FLAMENGO

Rebeca Andrade, Flavia Saraiva, Jade Barbosa, Lorrane Oliveira e Diogo Soares são os rubro-negros que dominaram o Mundial de Ginástica Artística nessa última semana

  |

Icon Comentário0

Eles merecem! Parte da equipe de Ginástica Artística brasileira desembarcou na noite desta segunda-feira (09) no Aeroporto Internacional Tom Jobim, no Rio de Janeiro. Os atletas estavam em Antuérpia, na Bélgica, disputando o Campeonato Mundial, onde conquistaram várias medalhas e bateram recordes. A festa para receber os rubro-negros foi grande. 

Rebeca Andrade, Flavia Saraiva, Jade Barbosa, Lorrane Oliveira e Diogo Soares são medalhistas da Seleção Brasileira de Ginástica Artística e são do Flamengo. Assim, o Mais Querido não poderia fazer nada menos do que recebê-los com carinho e levou consigo um grupo de crianças das divisões de base (foto abaixo). 

O Mundial de Ginástica Artística de 2023 entrou para a história da modalidade no Brasil. A equipe representando a 'amarelinha' conquistou seis medalhas, no total, além de garantir, pela primeira vez, uma medalha por equipes entre as mulheres. E ainda foi medalha de prata! 

Assim, o grupo feminino já está classificado para os Jogos Olímpicos de Paris em 2024, além dos homens terem conseguido duas cotas individuais, que serão distribuídas pela CBF no futuro próximo e estamos torcendo para que Diogo seja um dos escolhidos, ao lado de Arthur Nory, que está praticamente confirmado.


Tanto Rebeca como Flavinha também subiram ao pódio em disputas individuais. As duas foram premiadas com a prata e o bronze, respectivamente, no solo e Rebequinha conseguiu o terceiro lugar na trave, primeiro lugar no salto e segundo lugar nas barras assimétricas. 


 




Clube

DIEGO HYPOLITO REVELA MÁGOA COM O FLAMENGO, MAS RECONHECE GRATIDÃO AO CLUBE

Ginasta lembra com carinho de seu tempo no Flamengo, clube que defendeu por 20 anos, mas ainda condena forma como foi mandado embora

Reprodução
Reprodução

  |

Icon Comentário0

Diego Hypólito, um dos grandes atletas revelados pelos esportes olímpicos do Flamengo, comentou sua relação com o clube longa entrevista sobre a carreira. O ginasta bicampeão mundial e medalhista olímpico começou sua trajetória vitoriosa no ginásio da Gávea e revelou nutrir um sentimento de gratidão, mas ainda condena forma como foi mandado embora do clube.

“O Flamengo é o meu formador. Foi ali que me construí, me deu a oportunidade, desde criança, de ter uma aparelhagem que era a melhor na época. Foi quem acreditou na minha história. Fui mandado embora por uma pessoa específica. Então, sou laureado no Flamengo*, eu voto, eu auxilio. Eu vou às vezes no clube quando eu tenho um tempinho”, disse em entrevista ao quadro ‘Abre Aspas’, do ge.


Diego começou a treinar no Flamengo em 1994, assim como sua irmã Daniele Hypólito, e passou por períodos de altos e baixos no clube. Foi na Gávea onde ele se tornou um destaque nacional, chegou até a Seleção Brasileira e conquistou pódios internacionais. Contudo, foi mandado embora entre o fim de 2012 e início de 2013.


Uma das primeiras ações da gestão Bandeira de Mello foi fechar diversas modalidades dos esportes olímpicos como parte do plano de recuperação financeira. O contrato de muitos atletas, entre eles Diego, foi encerrado. À época, Diego deu muitas entrevistas criticando a decisão, mas mostra que não deixou afetar sua relação com o clube.

Mas a saída teve muitas consequências graves na vida de Diego. Em momento que lidava com o fato de começar a ser assumir sexualidade consigo mesmo, o atleta foi mandado embora e passou a lidar com um dos cenários mais conturbados de sua vida. Ele revelou recentemente que ficou internado em clínica psiquiátrica em 2014 para tratar depressão, enquanto conciliava com rotina de treinamentos para disputar as Olimpíadas.


“As Olimpíadas do Rio foram muito difíceis para mim, porque eu tive muitos problemas psicológicos. Fui muito negado. Eu dormia numa clínica, mas eu treinava no outro dia, então eu não ficava internado em tempo integral, mas tomando muitos medicamentos para que controlasse esses meus medos”, disse, antes de completar:

“Tive todo tipo de claustrofobia depois que eu saí do Flamengo. Eu fui mandado embora do Flamengo. Foi o clube que eu treinei por 20 anos. O ginásio pegou fogo com aparelhagens que tinham sido conseguidas pelo meu patrocinador. Eu me senti jogado fora, isso mexeu totalmente comigo. E foi a época que eu comecei a assumir a questão de sexualidade comigo mesmo, comecei a me dar a oportunidade de conhecer alguém pra namorar. Aí decido que quero ter um clube. Parei de ter o treinador que tive durante 20 anos (Renato Araújo). Fechei com o São Bernardo do Campo. Meu treinador (Fernando de Carvalho Lopes) é acusado de pedofilia. Foi uma avalanche de coisas, como se tivesse passado um tsunami. E o Diego no meio daquilo, sem saber o que fazer, fiquei muito perdido, desnorteado.”

* Laureado é o associado que tenha sido campeão individual durante cinco anos consecutivos, competindo pelo Flamengo; ou aquele que tenha sido campeão durante três anos consecutivos ou cinco alternados, desde que o Flamengo também tenha sido campeão na modalidade esportiva disputada nos mesmos anos pelo atleta.

Ginastas do Flamengo nas Olimpíadas de Paris

A geração de Diego Hypólito começou a colocar cada vez mais ginastas para representar o Brasil nas olimpíadas, principalmente homens. Em 2024, o Flamengo mandou a Paris cinco atletas que se apresentarão na ginástica artística.

Além da campeã olímpica Rebeca Andrade, o clube tem Jade Barbosa, Flávia Saraiva, Lorrane Oliveira e Diogo Soares na equipe brasileira. Os Jogos Olímpicos de Paris começam no dia 26 de julho.


Clube

SIMONE BILES, MAIOR GINASTA DO MUNDO, REVELA PREOCUPAÇÃO COM ATLETA DO FLAMENGO: "REBECA ANDRADE ME DÁ MEDO"

No último Mundial de Ginástica Artística, a brasileira conquistou cinco medalhas e se tornou a 11ª ginasta da história a medalhar em todos os aparelhos

Simone Biles e Rebeca Andrade / Divulgação
Simone Biles e Rebeca Andrade / Divulgação

  |

Icon Comentário0

A contagem regressiva para os Jogos Olímpicos de Paris 2024 já começou. Em clima de Olimpíadas, atletas de todo o mundo se preparam para desembarcar na Cidade Luz nos próximos dias, já que a Cerimônia de Abertura está marcada para 26 de julho, no Rio Sena. Um dos nomes mais aguardados desta edição é o de Simone Biles. Três anos após deixar a competição em Tóquio por questões de saúde mental, ela está de volta aos holofotes.

Em entrevista para a TV norte-americana, Simone, a ginasta mais condecorada na história dos Campeonatos Mundiais de Ginástica, revelou que a brasileira Rebeca Andrade é sua maior preocupação para as Olimpíadas de Paris. “Rebeca Andrade é a que mais me dá medo”, declarou Biles ao classificar quais atletas ela ficará de olho na competição.



Vale lembrar que, no último Mundial de Ginástica Artística, Andrade conquistou cinco medalhas: três de prata (equipes, individual geral e individual no solo), uma de ouro (individual no salto) e uma de bronze (individual na trave). Ela também se tornou a 11ª ginasta da história a medalhar em todos os aparelhos.

Ao todo, o Brasil já garantiu 259 vagas para a competição. Serão 237 atletas na delegação brasileira que vai para Paris até o momento, com 137 mulheres e 93 homens confirmados. No hipismo, 7 vagas mistas ainda serão definidas.

Os números, que já demonstram a força do Time Brasil para os Jogos de Paris, ainda podem crescer. A janela de classificação para as Olimpíadas só se encerra na primeira semana de julho e a tendência é que medalhistas de modalidades renomadas do Brasil, como o handebol e o vôlei, ainda se juntem à delegação.




Clube

GINASTA DO FLAMENGO, DIOGO SOARES CONQUISTA MEDALHA INÉDITA PARA O BRASIL NO PAN - AMERICANO

O atleta conquistou a medalha de prata no individual geral da prova

Foto : Reprodução/  Ricardo Bufolin/CBG
Foto : Reprodução/ Ricardo Bufolin/CBG

  |

Icon Comentário0

Nesta segunda - feira (23), o ginasta do Flamengo Diogo Soares conquistou a medalha de prata no individual geral dos Jogos Pan - Americanos de Santiago. Sendo assim, ele se torna o terceiro brasileiro a ganhar medalha na história da competição da América Latina.

Com 81, 865 pontos, Diogo ficou atrás apenas do canadense Felix Dolci, que conquistou o ouro com a pontuação de 82,531. O norte - americano Donnell Whitthenburg ficou com 81,764 pontos, 0,1 a menos que o Rubro Negro, e completou o pódio na terceira colocação.

Diogo Soares começou sua apresentação pelo solo, onde somou 13,400 pontos e diminuiu a pontuação da fase classificatória. No entanto, acertou todos os movimentos de sua série no cavalo com alças, tirou 13,766 e pode deixar claro que brigaria por medalha.

O ginasta Rubro Negro de 21 anos também foi bem nas argolas (13,233), no salto (14,033) e chegou aos últimos aparelhos em boa colocação. Assim, finalizou com 13,833 nas paralelas e 13,600 na barra fixa para conquistar a prata nos jogos Pan - Americanos.


Diogo vem de grande desempenho no Mundial de Ginástica Artística, disputado na Bélgica. O ginasta do Mais Querido terminou a competição na 10ª colocação e é o único atleta da ginástica masculina do Brasil que garantiu vaga para as Olímpiadas de Paris 2024.

CONFIRA A PUBLICAÇÃO DO FLAMENGO PARABENIZANDO DIOGO:




envelopeSUBSCREVER NEWSLETTER

envelopeSUBSCREVER NEWSLETTER


+ notícias
Clube

NOVO DIRIGENTE! FLAMENGO ANUNCIA QUE RESPONSÁVEL PELO PROJETO DO ESTÁDIO SERÁ VP DE PATRIMÔNIO

 

Icon Comentário0
Clube

OLHA ELE! EM ESTREIA DE OLIVINHA COMO APRESENTADOR, NALDO CONFIRMA NEYMAR NO FLAMENGO

 

Icon Comentário0
Clube

PREFEITO DO RIO PREVÊ CRESCIMENTO DO FGTS COM NOVO ESTÁDIO DO FLAMENGO NO GASÔMETRO

 

Icon Comentário0